Google+
 

Category Archives: Luxo

Café inspirado em Maria Antonieta

bristol_cafe_antonia_110416_009_hd

Embora esteja envolta em uma atmosfera de luxo, Paris tem poucos hotéis que se encaixam na categoria Palácio. São eles Le Bristol, Crillon, George V, Meurice, Plaza Athénée e Ritz. O primeiro reinaugurou, recentemente, o Café Antonia.

bristol_cafe_antonia_110416_049_hd

Inspirado na polêmica rainha da França, o espaço é todo decorado com mobiliário estilo Louis XV e Louis XVI, assinados pela maison Taillardat. Um dos destaques é o conjunto de tecidos que estampam os sofás, cortinas e almofadas, de grifes sofisticadas, como Pierre Frey, Lelièvre e Etro.

le-bristol-paris_cafe_antonia_tea-time

Já no cardápio elaborado pelo chef Eric Frechon (à frente também do três estrelas Michelin do hotel, o Epicure) estão delícias como ovo poché com aspargos brancos e cogumelos; “King Crab” com toranja e avocado; e carpaccio de “Black Angus”. Muito especiais também são as sobremesas chef pâtissier Laurent Jeannin, como o mil folhas de baunilha com frutas vermelhas, uma perdição.

Gostou? Então compartilhe!Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

Hotel de cinema

area_piscina

Buenos Aires é daquelas cidades que convidam à visita em todas as épocas do ano. Que o diga Francis Ford Coppola. Durante o tempo que viveu na Argentina por conta do filme Tetro (2009), ambientado no bairro de La Boca, o diretor se apaixonou pela cidade e escolheu uma casa na badalada Palermo Soho para chamar de lar.

jardim_1

O local foi reformado de acordo com os desejos de Coppola e cada canto foi pensado e decorado por ele e sua esposa, Ellie, para viver e receber bem seus amigos e familiares. De volta aos Estados Unidos, a capital argentina continuou no coração do diretor e a casa foi adaptada para se tornar um dos refúgios da coleção Coppola Hideaways. Em parceria com a rede hoteleira Bourbon em sua primeira incursão no segmento de hotéis boutique, o BE Jardin Escondido by Coppola ainda é o endereço do casal quando estão na cidade escrevendo e apreciando os vinhos da região.

sala_de_estar_2

Localizado em uma rua tranquila, a fachada discreta pouco revela do grande jardim em três níveis que domina o espaço e justifica seu nome. Na área comum, a piscina com aquecimento solar divide o espaço com uma cozinha ao ar livre e um belo terraço cercado por plantas de todos os tipos. São apenas seis suítes e um estúdio que trazem referências da história do prédio e do cineasta.

suite_francis_1

A suíte principal é a Francis, o quarto que ocupou durante os anos em que viveu na cidade e onde ainda hoje está o baú onde guardava seus equipamentos de filmagem. Fora do prédio principal fica a suíte Ellie, de frente para a piscina. A suíte Roman, batizada com o nome do filho, tem vista privilegiada dos jardins e o quarto de Sofia recebeu a filha-diretora durante as frequentes visitas aos pais. Os outros dois quartos foram batizados com os nomes de seus escritores sul-americanos favoritos, o chileno Roberto Bolaño e o argentino Julio Cortazar. Há ainda um studio, Nieta, que o diretor utilizou para durante as filmagens de Tetro. Para Coppola, esse cantinho na América do Sul tem a atmosfera perfeita para trabalho e descanso. Não tem como não concordar.

vista_suite_roman3

Fonte: Casa Vogue

Gostou? Então compartilhe!Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

Luxo no Vietnã

Duas guerras e mais de uma dezena de filmes de Hollywood foram suficientes para deixar o Vietnã no imaginário ocidental como um país conflituoso. Mas seria injusto lembrar desse pequeno país do sudeste asiático, ex-colônia francesa, dessa forma. Apesar de seu passado oprimido, o Vietnã guarda segredos à espera de serem descobertos pelos visitantes. Templos budistas se espalham de norte a sul do país em meio a plantações de arroz e pastos com búfalos.

top_testimonials

O Vietnã também é um destino de luxo cada vez mais procurado. E um dos hotéis favoritos dos visitantes é o Pilgrimage Village Boutique & Spa, que concilia modernidade, arquitetura e cultura local. O hotel fica localizado estrategicamente numa região muito pacata, perto de vilas e de templos, numa distância de 90 minutos de carro do aeroporto internacional Danang. São 99 quartos com uma vista exótica e extremamente bela da vegetação local. Apesar do grande número de quartos, o hóspede não tem a sensação de dividir o espaço com uma multidão, pois as instalações são enormes e cheias de jardins e entradas privativas.

gallery1

A comida vietnamita lembra um pouco a tailandesa, muito temperada e cheia de frutos do mar. Mas para quem prefere não se arriscar na culinária local, o hotel conta com dois restaurantes, dois bares e um lounge. São muitas opções! O café da manhã é servido ao ar livre com uma vista para um vale ou em um espaço rústico bem iluminado. Já o jantar é em um espaço requintado à luz de velas. 

dining

O Vedana Spa, em Pilgrimage Village, combina a sabedoria antiga de cura tradicional do oriente com as terapias do ocidente. Aulas de meditação, jacuzzi, sauna e banho de vapor, tai chi ou yoga vão ajudá-lo a encontrar o equilíbrio. Uma classe particular ou grupo é fornecido mediante solicitação.

vedananelles

Lindo, não? Místico e “com um pé” na modernidade! O Vietnã é um país que ficará gravado na memória do viajante para sempre.

Gostou? Então compartilhe!Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

De Paris a Veneza no luxuoso Orient-Express

A princípio soa como mais uma viagem de trem. Vagões que balançam em ritmo hipnotizante, paisagem que quase não se deixa ver, do lado de fora, e som melódico e constante sobre os trilhos. Mas quem embarca em um trem Orient-Express, cenário do clássico da literatura “Assassinato no Expresso do Oriente”, escrito por Agatha Christie, uma viagem ferroviária deixa de ser apenas um deslocamento entre destinos e assume status de experiência histórica.

1_orient_express_parada_em_innsbruck

Com trens luxuosos de estilo vintage, o Venice Simplon-Orient-Express sai da capital da França e, quase 24 horas mais tarde, chega a Veneza, cuja muvuca da estação ferroviária dessa cidade italiana faz o viajante querer voltar para Paris no mesmo trem. O embarque é precedido de pequenas porções e vinhos, servidos em um lounge em um bar escondido da estação de Paris, onde os passageiros (vestidos em traje formal, uma condição para viajar no Orient-Express) são convidados para o embarque.

8_orient_express

A bordo, os tradicionais mordomos de uniforme azul dão breves explicações sobre o funcionamento de alguns segredos do interior das cabines privativas, como as portas do armário que escondem um pequeno lavabo e os horários do jantar no Etoile du Nord, restaurante em estilo art deco que, assim como as cabines dormitório, foi construído na década de 20.

3_recepc3a7c3a3o_no_orient_express

Vê-se pouco do visual lá fora, já que o trem deixa a estação depois das dez da noite, mas a manhã seguinte começa revelando o cenário alpino, enquanto o café da manhã é servido na cabine. A travessia de mais de 800 km, que passa pelos interiores da França, Suíça, Áustria e Itália, cruza montanhas de picos nevados e vilarejos com suas típicas casinhas de madeira, uma jornada que começa às dez da noite e só termina, sem nenhuma pressa, no final da tarde do dia seguinte.

1rd4

Entre Paris e Veneza, o trem faz uma única parada, na estação de Innsbruck, na Áustria. De resto, nos sobra ficar com o rosto colado no vidro do trem, vendo aquele cenário alpino de ares bucólicos riscando o cenário, do lado de fora.

Fonte: Catraca Livre

Gostou? Então compartilhe!Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

Hospedagem com selo Versace, em Dubai

Palazzo Versace Hotel in Dubai.

Dubai já é puro luxo, e quando juntamos um nome como Versace ao emirado, fica melhor ainda! Pois foi lá que a grife inaugurou recentemente o segundo hotel de sua rede Palazzo Versace. O primeiro resort da marca já existe na Gold Coast australiana desde 2000.

Mosaico-Lobby-Lounge

A nova empreitada, que casa perfeitamente com o maximalismo de Dubai, tem 215 quartos, dos quais 65 são suítes. Donatella Versace cuidou pessoalmente da decoração, que inclui pisos com o clássico mosaico barroco em mármore e até tetos com detalhes em ouro pintados à mão. O complexo ainda inclui dois restaurante (Vanitas e Giardino) e, além dos quartos, mais 169 residências de luxo com até seis dormitórios cada.

itemImage_1_thumb

Segundo o WWD, o projeto custou o equivalente a R$2,3 bilhões. As reservas podem ser feitas por meio do site oficial do hotel, com diárias a partir de R$2.400. Que tal?

2664863704

itemImage_11_thumb

 

Gostou? Então compartilhe!Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

Café com Burberry

Que tal uma refeição em ótima companhia? E se essa companhia for uma das grifes mais valiosas do mundo? Pois a Burberry expandiu sua superloja na Regent Street, em Londres, e abriu no local um café chamado Thoma’s, como parte de uma iniciativa para diversificar a experiência de compras dentro da loja. O nome é uma homenagem ao fundador da marca, Thomas Burberry.

a2c891296023a790b0a4ab7e60535f31a4f1710f

O espaço segue a estética mais tradicional da grife, com piso de mármore preto e branco e móveis de madeira escura. Janelões que dão para a rua Sackville providenciam uma luz natural bonita. Segundo Christopher Bailey, CEO e diretor criativo da marca, a intenção foi criar um lugar onde os clientes pudessem passar um tempo tranquilo dentro do universo Burberry, mas em um ambiente mais social.

Burberry-expands-its-Regent-Street-Flagship-3-glamour-15jun15-pr_b_810x540

No cardápio, dá para tomar um café ou o tradicional chá da tarde e ainda jantar clássicos da gastronomia britânica com serviço cinco estrelas e uma ótima carta de vinhos. O café trabalha com pequenos produtores do Reino Unido e já é um dos lugares no radar fashion de quem vive ou passa por Londres.

6_2015_thomas_vigo_street

Essa é a principal loja da marca no Reino Unido, que recebe exposições, lançamentos digitais e performances ao vivo de artistas ingleses como Jake Bugg e a banda Kaiser Chiefs. A Ralph Lauren e a Maison Kitsuné são outras marcas que também experimentaram abrir um café dentro de suas lojas.

Burberry-expands-its-Regent-Street-Flagship-2-glamour-15jun15-pr_b_810x540

Fonte: FFW

Gostou? Então compartilhe!Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

Aeronave residencial

Os bilionários que se cansarem de navegar em seus megaiates podem arrumar um hobby bem interessante no futuro. É que a empresa inglesa Andrew Winch Designs, responsável pelos projetos de algumas das embarcações, jatos e residências mais luxuosos do mundo, divulgou o protótipo da Halo, uma aeronave residencial que terá o tamanho de um campo de futebol e nada menos do que 20 quartos, spa, sala de cinema e boate!

halo_abre

Segundo a empresa, o sonho pode não estar tão longe de acontecer, e se tiver compradores dispostos a pagar US$ 330 milhões pelo brinquedo, ele pode ser lançado em apenas 10 anos. A Andrew Winch também já falou que um protótipo na aeronave já voou em 2013 e recebeu a certificação da Administração Federal de Aviação dos Estados Unidos.

halo2-copy-980x600

A aeronave, que voará por meio de turbinas, também poderá descer até o nível do mar. Quando pousar, se transformará em uma ilha artificial, de onde será possível sair para nadar. Como a Halo só voará até 3.657 metros, ela não precisará ser pressurizada, e poderá flutuar sobre áreas urbanas sem problemas. Para aproveitar a paisagem, algumas das áreas da aeronave terão o chão transparente. Já imaginou? :)

Fonte: Glamurama

Gostou? Então compartilhe!Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

A espetacular Grande Barreira de Corais da Austrália

GrandeBarreiraCorais011

É possível eleger o lugar mais lindo do mundo? É improvável, mas se houvesse esta eleição, com certeza a Grande Barreira de Corais da Austrália estaria forte no páreo. Um dos destinos mais desejados pelos turistas e patrimônio mundial, sua porta de entrada é pelas Whitsunday Isles, arquipélago descoberto pelo capitão inglês James Cook a cerca de 900 quilômetros de Brisbane.

234513

A Grande Barreira é composta por uma rede de cerca de 2.900 recifes e mais de 900 ilhas. Lar de milhares de espécies de vida marinha, o local é o maior ecossistema de recifes de corais do mundo, tão impressionante que pode até ser vista do espaço!

Australia-Reef-Dredging

Para quem visita a região, é possível nadar, mergulhar e velejar pela Grande Barreira de Corais, além de fazer passeios exclusivos oferecidos pelos resorts próximos, como um vôo de helicóptero que sobrevoa de perto toda esta beleza, de tirar o fôlego! Outra opção de passeio para quem quer curtir ao máximo o paraíso é fazer o chamado “live on board”, que consiste em passar alguns dias em alto-mar, em barcos relativamente pequenos, sem grande estrutura de entretenimento, mas que oferece vários mergulhos por dia, inclusive mergulhos noturnos.

foto-galeria-materia-620-30q9

Para quem quer conhecer o arquipélago em grande estilo, Hamilton Island, uma das principais ilhas do arquipélago, abriga o qualia, premiado resort de luxo afiliado ao Relais & Châteaux e listado na Gold List de 2014 do Condé Nast Traveler Readers’ Choice Awards. Em localização privilegiada, na área mais ao norte da ilha, o resort, aberto em 2007, oferece aos seus hóspedes todas as experiências do cenário, sempre com um toque exclusivo. Imagina o luxo de se hospedar no hotel e, ainda, alugar um iate para desbravar a Grande Barreira, então?

3afo2x59lruwluwupe1bozden

Gostou? Então compartilhe!Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

O melhor lounge de aeroporto do mundo

melhor-lounge-aeroporto-do-mundo_01

Quando viajar na primeira classe não é o suficiente, surgem os lounges vips megaluxuosos, como este do aeroporto de Mumbai, na Índia, com aproximadamente 2800 m², que oferece serviços melhores que os de muitos hotéis cinco estrelas por aí. Não é à toa que ele, o GVK Lounge, foi eleito o melhor lounge de aeroporto do mundo pelo World Travel Awards, um dos principais prêmios do segmento turístico.

melhor-lounge-aeroporto-do-mundo_02

No aeroporto internacional Chhatrapati Shivaji, a decoração elaborada pelo designer indianos Sandeep Khosla, com arquitetura de Alfaz Miller e Softroom Architects, é opulenta e remixa tons de dourado e vermelho, com direito a muito brilho e pedras por todos os lados. O espaço é operado pela TFS Performa.

melhor-lounge-aeroporto-do-mundo_04

Vinhos finos, champagnes e outras bebidas sofisticadas são servidas em vários bares diferentes, classificados de acordo com o tipo do viajante: first class, business premium e business class - mas todos igualmente luxuosos. Há também restaurantes, que servem pratos a la carte com especialidades árabes, indianas e asiáticas, incluindo, entre os ingredientes, lagosta e cordeiro.

melhor-lounge-aeroporto-do-mundo_07

Além de ficar relaxando nas poltronas, os viajantes também podem desfrutar de um banho e também do SPA com massagens diferentes à escolha. Puro luxo!

melhor-lounge-aeroporto-do-mundo_08

melhor-lounge-aeroporto-do-mundo_10

Fonte: Casa Vogue

 

Gostou? Então compartilhe!Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone

Almoçando com a Gucci

1921-gucci-cafe-shangai-00

Já é comum que grandes grifes tradicionais na moda levem sua sofisticação a outras empreitadas, como hotelaria, beleza, etc. E recentemente mais um empreitada deste tipo abriu as portas para que os fãs do luxo tenham uma experiência única, desta vez na gastronomia. A italiana Gucci inaugurou em 2015 seu primeiro restaurante de serviço completo, em Xangai, China, reforçando as opções que a marca já possui na cidade, sempre no formato de cafés.

Gucci-themed-restaurant-in-Shanghai-2

O novo 1921 Gucci Café fica no quarto andar do shopping de luxo IAPM e levou dois anos para abrir ao público. Para acessar o restaurante é necessário usar um elevador dentro da própria loja da Gucci no shopping. O local é repleto de veludo e estampas do logo da marca 1921 Gucci – que representa exatamente o ano de fundação da grife – desde a prataria até o cardápio e os guardanapos. As poltronas são confortáveis e os assentos cheios de almofadas confortáveis, tudo remetendo o tradicional estilo Gucci.

IMG_1405-1024x768

A comida servida é italiana e preparada com ingredientes frescos. Os almoços começam em US$ 24 por pessoa, mas o jantar demanda o dobro do valor. Apesar de ser considerado o único restaurante completo da marca no mundo, existe também um café Gucci em Florença, na Itália, que é parte do museu Gucci, criado em 2011 para celebrar os 90 anos da grife.

Restaurante-Gucci

Gostou? Então compartilhe!Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Share on LinkedInEmail this to someone